Metas Smart – Entenda o que significa e como aplicar

Você sabia que estipular Metas Smart é uma importante forma de conduzir com maestria à alta produtividade e ao sucesso?

Bom, é essencial termos objetivos a alcançar, pois são eles que nos guiarão através de caminhos que devemos seguir. As metas pessoais, por exemplo, devem ser determinadas, bem como às da esfera corporativa, que nos orientarão no âmbito profissional.

A seguir, veja para que servem as Metas Smart e como aplicá-las em seu ambiente de trabalho ou em sua vida pessoal!

Afinal, o que é Metas Smart?

Metas Smart são aquelas que, dentro de uma empresa por exemplo, atendem às expectativas dos funcionários no que diz respeito ao desenvolvimento de vantagens diversas para a corporação.

Elas são metas específicas, mensuráveis, atingíveis, relevantes e temporais.

O que é preciso para aplicar Meta Smart em minha empresa?

Para que você consiga implementar Meta Smart em sua corporação por exemplo, é necessário atender aos seguintes requisitos:

  • São metas específicas – ou seja, elas devem ser claras, objetivas e fáceis de serem traçadas e compreendidas;
  • Mensuráveis – elas precisam poder ser avaliadas através de critérios sólidos, com o objetivo de calcular o progresso dos resultados que se pretende atingir;
  • Atingíveis – nada de traçar metas impossíveis ou muito difíceis de serem alcançadas;
  • Relevantes – já pensou estipular metas que te desviam do objetivo principal? Pois é, as Metas Smart têm de ser relevantes, possuir visão e carregar os valores da corporação;
  • Temporais – metas que demorarão anos para serem atingidas não devem ser estipuladas. Assim, Meta Smart precisa ter um limite de tempo bem definido para serem cumpridas.

Metas Smart – eficazes ou eficientes?

No momento em que você for definir as metas pessoais ou profissionais, deve estipulá-las sobre os fins, ou resultados, que almeja alcançar – jamais sobre os meios, ou seja, os processos.

Vejamos a diferença entre eficiência e eficácia:

  • Eficiência – fazer a coisa certa. Em outras palavras, é a forma de se atingir um resultado, a atividade realizada para alcançar um objetivo;
  • Eficácia – é a coisa certa a se fazer, o resultado concreto, o objetivo em si.

Estes são dois conceitos bem antigos, mas que continuam atuais. Compreendê-los bem é fundamental, pois o bom resultado depende de fazer bem as coisas certas.

Todo ser humano precisa definir metas em sua vida

Entenda o seguinte: as metas possibilitam que nós nos concentremos em situações concretas.
Assim, consequentemente, elas causarão impactos muito positivos sobre nossa vida e ações cotidianas.

Para deixar tudo bem mais claro, é interessante que você saiba o que, de fato, significa uma meta.

A meta, em termos básicos, é a força que move o aprendizado. Elas irão te ajudar a se concentrar em seus objetivos e propósitos, fazendo deles sua principal aspiração.

Além disso, as metas são essenciais tanto para nos motivar, quanto para nos auxiliar na direção que estamos tomando na vida.

Dessa forma, é impossível haver gerenciamento sem a definição de metas, assim como não se consegue estipular metas sem antes realizar análises.

No que diz respeito ao posicionamento de metas, devemos saber para qual rumo desejamos levar nossa vida ou empresa. Além disso, é muito importante definir o que estamos dispostos a fazer para que isto ocorra, bem como os valores que nos nortearão.

Além de definir a missão a ser cumprida, assim como os valores e visão da corporação, é essencial entender os objetivos estratégicos da empresa. Só desta maneira será possível estipular indicadores que serão monitorados.

Por fim, será possível desdobrar tudo isso em metas, alcançando, assim, os resultados almejados.

Alguns exemplos de Metas Smart

Imagine que uma indústria de cerveja tenha o objetivo de aumentar seu market share.

Quando uma Meta Smart é aplicada, a corporação terá a missão de conquistar 25% do mercado cervejeiro na região Sul do país até o mês de dezembro deste ano.

Contudo, se a meta for simples, ela só quererá potencializar as vendas de cerveja na região Sul. Ou seja, algo bem generalizado e resultado confuso de ser alcançado.

Um outro cenário hipotético é imaginar que uma fábrica de brinquedos pretende aumentar seu volume de vendas durante o ano.

Uma Meta Smart aplicada neste cenário pretenderia ampliar em até 50% as vendas dentro do país até o final do ano que vem, por exemplo – tudo bem especificado e com métricas palpáveis.

Enquanto isso, uma meta comum só irá pretender aumentar as vendas de brinquedos no Brasil.

Logo, a metodologia Smart para metas pode ser aplicada também em conjunto com o seu planejamento financeiro por exemplo, para que possa ter mais clareza ainda dos seus objetivos.

Metas Smart – Conclusão

Se não possui metas claras e tangíveis, não pode esperar que os resultados alcançados sejam realmente satisfatórios.

Se deseja ser uma liderança que consegue atingir um nível diferenciado de gerenciamento, precisará estabelecer metas que podem ser seguidas com facilidade.

Aliás, é desejável que se tiver seus liderados, é importante que participem deste processo.

Por fim, divulgue as metas de maneira clara, pois todo o grupo deve ter a possibilidade de contribuir para o alcance delas. Lembre-se: as metas são essenciais não apenas porque nos motivam, mas também porque nos mantêm vivos, ativos e produtivos.

Leia também

Compartilhe:

Facebook
Twitter
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Confira Também

Deixe seu comentário

Rolar para cima